Escolhendo o curso na faculdade

estudante

Chegou a hora de prestar vestibular e você ainda não sabe o que escolher? Não sou nenhuma especialista no assunto, mas resolvi juntar todas as dicas que ajudaram a mim e aos meus amigos a escolher nossos cursos na faculdade.

1 – Procure ver as matérias do seu curso

Você acha a ideia por traz daquela profissão muito legal, mas quando dá uma olhada nas matérias do curso tudo muda. Vou dar um exemplo do que vi no meu curso: A pessoa entra em Ciência da Computação porque gosta muito de computadores e tecnologia, mas a mesma pessoa não gosta de matemática, porém Ciência da Computação é um curso que tem matemática pra caramba! Muita gente entra no curso sem saber disso e acaba desistindo logo no começo. Não precisa gostar de 100% das matérias do curso, até porque na faculdade você aprende sobre vários ramos de uma mesma área, e você não vai necessariamente gostar de todos, mas curtir uns 80% das matérias já é bom.

2 – Converse com alguém que já fez ou faz o curso

É legal ter alguém que faz o curso para te explicar sobre as matérias e mercado de trabalho. Se a pessoa for da mesma universidade na qual você pretende ingressar, melhor ainda, porque você vai ficar sabendo sobre professores, material utilizado e horários.

3 – Faça um técnico

Antes de entrar em computação fiz técnico em informática e isso me deu uma boa visão sobre a área. Se você ainda tem tempo pra fazer um curso técnico antes de prestar vestibular, faça. Muitos amigos entraram no técnico achando que amavam informática e quando chegaram lá, viram que era algo completamente diferente e acabaram odiando, e isso os ajudou à escolher a área na qual gostariam de trabalhar. Só não acho que valha a pena começar um técnico se você já está na idade de prestar vestibular, isso vai atrasar muito seus estudos.

4 – Faça o que você gosta, não o que outros querem que você faça

As profissões do momento são medicina e engenharia. São ótimas áreas, mas para estar nelas, você tem que realmente gostar. São cursos difíceis e maçantes até pra quem gosta, imagina para quem não gosta. Tente se livrar das pressões e seguir seu desejo.

5 – Estabeleça prioridades

Eu, por exemplo, gosto de muitas áreas, tanto que até faria um curso relacionado à artes, como comunicação visual, porém sei que sentiria muita falta de algo relacionado à exatas, algo mais lógico. Eu percebi que ficaria mais satisfeita fazendo um curso de exatas e levando algo relacionado à criatividade como hobbie. Ou seja, eu meio que fiz um ranking do que eu mais gostava.

6 – Cursos parecidos: Qual escolher?

Um palavra: Pesquise. Os cursos podem ser parecidos, mas não são a mesma coisa, senão não seriam dois cursos. Às vezes um pode ser mais específico e o outro mais abrangente, por exemplo. Um profissional que fez o curso X pode ganhar mais que o que fez o curso Y. Tudo depende do que você mais gosta e do que você prioriza.

Enfim, dependendo do curso e/ou universidade, vai ser muita ralação e talvez noite sem dormir no fim do período rs (não estou colocando medo, apenas dizendo a minha própria realidade…), nem sempre tudo serão flores, mas se você sentir que está no caminho certo, não desista. E olha, vi muita gente trocando de curso e, no final das contas, deu tudo certo e não foi um bicho de sete cabeças, simplesmente acontece, é normal, não é vergonha seguir seus sonhos. Boa sorte na escolha e na hora de prestar o vestibular. Beijos.

Anúncios
Escolhendo o curso na faculdade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s